Bodas

A preparação para o casamento e todas as suas fases, que vão desde a emoção do pedido até os últimos ajustes do vestido de noiva, parece durar uma eternidade para os casais que mal podem esperar pelo “sim, eu aceito”. Mas passada a festa, a lua de mel e depois de enviados todos os agradecimentos individuais aos convidados, a verdade é que o primeiro ano de casados normalmente passa como um sopro. São tantos detalhes da vida a dois que vão se ajustando aos poucos que, quando menos esperam, os casais já estão prestes a celebrar as suas Bodas de Papel.

Se adaptarem a esse novo status civil é algo que requer paciência, e alguns psicólogos até acreditam que é a etapa de maiores mudanças para um casal, aquela que apresenta mais desafios. Sendo assim, chegar a um ano de casados merece uma celebração! Não será necessário um buquê de flores ou um banquete, mas vocês podem convidar os amigos mais íntimos e a família. Será uma delícia rever vídeos, as fotos da decoração de casamento e dos momentos mais importantes e, se quiserem mais ideias para deixarem essa data realmente marcada, aqui deixamos algumas.

Não deixe passar em branco

Alguns casais, desde os tempos de namoro, adoram estar em dia com suas datas especiais. “Aniversário do primeiro beijo”, “aniversário do primeiro jantar em casa” e muitas outras datas que, para eles, têm muita importância. Se vocês são assim, provavelmente já estão pensando na comemoração de 1 ano de casamento, e se a ideia é uma festança, podem até pensar em produzir convites, como fizeram ao encomendar os convites de casamento diferentes, mas dessa vez com um design mais simples, sempre com o estilo de vocês, que pode ser mais moderninho ou clássico.

Papel de Arroz Convites

Opções (economicamente) possíveis

Depois da festa que fizeram, com direito a decoração de casamento rústica, detalhes vintage pensados com todo cuidado, luminárias espalhadas por todas as partes, e tudo feito com todo capricho, é provável que um ano depois o bolso do casal ainda esteja sentindo os efeitos do orçamento final, mas ainda assim, se começarem a economizar a cada mês e pensarem  em possibilidades mais econômicas, é possível fazer uma celebração cheia de personalidade. 

Vocês não precisam alugar um local enorme, podem chamar os mais queridos para um café, bar ou restaurante, e passarem uma noite agradável, relembrando o dia C. Ou podem reunir os parentes e os familiares mais próximos na sua própria casa, e assim fazem o o famoso “tour” que todos adoram, e podem até mostrar que estão usando os presentes que ganharam! Se optarem por essa alternativa, o décor será o próximo passo, e aqui o céu é o limite. Vocês podem espalhar corações de papel por toda a casa (estejam preparados para limparem em dupla depois), ou produzir um belo varal de corações para pendurar no local onde estarão os convidados. E seguindo a linha do varal, por que não usar as fotos do próprio casamento para decorar? Se tivrem polaroids podem colocá-las em um barbante com pregadores e terão uma festa no melhor estilo hipster na sua sala! 

Alê Brasil FIlmes

Presentes do casal…. para eles mesmos!

Um ano juntos depois do “sim, eu aceito” significa 365 dias de convivência constante. Nesse ponto vocês já ganharam ainda mais intimidade e já sabem melhor o que deixa o outro feliz, então será mais fácil pensar em presentes para aproveitarem juntos. Te damos duas opções:

Ensaio em casal

Alguns casais nunca fizeram o ensaio Trash the Dress, e essa pode ser um boa oportunidade para voltarem a colocar o vestido de noiva princesa e o traje no noivo, caso tenham sido comprados. Contratem um fotógrafo, que pode ser o mesmo do casamento, e façam um ensaio divertido, em uma praia, em um lago, no meio de uma grande cidade com várias pessoas caminhando em volta, como desejarem. E ainda que não queiram (ou não possam) usar os trajes de noivos, podem simplesmente fazer um ensaio no cenário que mais gostam,  aproveitando o tema Bodas de Papel para criar alguns acessórios, como buquê feito de origamis, gravata do noivo e laços do vestido também de papel, plaquinhas informando a data etc.

Escapada a dois

Algo que sempre é uma boa ideia são as escapadas que não estavam nos planos. Uma viagem curta, de fim de semana, apenas os dois, para um lugar que tenha a essência de vocês. Esqueçam o mundo externo e vivam 1, 2 ou 3 dias de puro romance, sem pensar no cotidiano. Aproveitem para renovar os votos que fizeram no dia do casamento, dizer todas aquelas coisas lindas que ainda fazem sentido, relembrar a primeira vez que vocês se viram e como foi engraçado o primeiro beijo, o pedido de namoro e, depois, o de noivado.

Jonatan Fernandes Fotografia

Ainda que sejam um casal mais reservado, não deixem essa data passar despercebida. Seja com uma festa para várias pessoas ou um jantar íntimo apenas para vocês dois, não deixem a oportunidade de criar mais um momento especial escapar! Escrevam frases curtas de amor e deixem no travesseiro, tomem o café-da-manhã juntos e caprichem como nunca, ou simplesmente sentem no sofá, abram uma garrafa da sua bebida favorita e façam um brinde inesquecível. O amor merece ser celebrado sempre, e são essas pequenas ações que deixam a vida de casados mais feliz, forte e duradoura. Feliz Bodas de Papel!

Fonte: Casamentos

Alugue objetos e móveis temáticos e crie decorações incríveis para sua festa.

Não se engane, a decoração de um evento é sempre um desafio. Melhor se preparar para não acabar entre o meia-boca e o mal gosto. São muitos pontos a serem contemplados: a ocupação do espaço de forma bonita e funcional e o conforto e bem-estar dos participantes são apenas alguns deles.

Mesas, cadeiras, a escolha das cores, os arranjos de flores, enfeites de teto e muito mais: a maneira de organizar todos esses elementos fará toda a diferença no desenrolar do evento.

Primeiramente, você deverá definir o tema ou o conceito que irá adotar para o evento. O estilo – estamos falando de um evento mais ou menos formal? Será algo mais voltado ao público jovem ou se trata de um evento de negócios? – também influenciará diretamente nas decisões que serão tomadas quanto ao aproveitamento do espaço. Em seguida, você deve definir o número de convidados, para que possa calcular o número de mesas, de enfeites e de souvenirs, caso você decida distribuí-los.

Existem duas explicações para entendermos a origem da palavra “boda” e seus significados. A primeira e mais conhecida delas atribui o termo ao latim, mais especificamente ao vocábulo “vota” (plural de “votum”), que quer dizer promessa. Com o passar do tempo e influências de outros idiomas, “v”, “b” e as pronúncias se confundiram, transformando “vota” em “boda”.Hoje em dia, e principalmente na cultura ocidental, as bodas ganharam diferentes nomes, sendo que cada um deles é relativo a um determinado ano para celebrar o aniversário de casamento. Os nomes, na maioria das vezes, referem-se a alimentos, bebidas, materiais, da natureza ou não, árvores e pedras preciosas, como simbologias variadas para representar fragilidade, novidade e resistência.Por exemplo, as Bodas de Papel, que representam o primeiro ano do casal após a oficialização da união, têm a ver com o papel ser dos materiais mais frágeis existentes, que pode ser destruído a qualquer momento. Já os dez anos de casamento, conhecidos como Bodas de Zinco ou Estanho, fazem referência ao fato do estanho ser um metal maleável, e o zinco, protetor contra a ação do ferro.Entre as bodas mais populares e celebradas por aí estão as de Prata (25 anos) e de Ouro (50 anos), que costumam render grandes festas preparadas pelos casais, além da renovação dos votos de casamento e até mesmo a troca das alianças antigas por novas.

Primeiro ano de casamento – Bodas de de Papel

Dois anos – Bodas de Algodão

Três anos – Bodas de Trigo ou de Couro

Quatro anos – Bodas de Flores e Frutas ou de Cera

Cinco anos – Bodas de Madeira ou de Ferro

Seis anos – Bodas de Perfume ou de Açúcar

Sete anos – Bodas de Latão ou de Lã

Oito anos – Bodas de Papoula ou de Barro

Nove anos – Bodas de Cerâmica ou de Vime

Dez anos – Bodas de Estanho ou de Zinco

11 anos de casamento – Bodas de Aço

12 anos – Bodas de Ônix

13 anos – Bodas de Renda ou de Linho

14 anos – Bodas de Marfim

15 anos – Bodas de Cristal

16 anos – Bodas de Turmalina

17 anos – Bodas de Rosas

18 anos – Bodas de Turquesa

19 anos – Bodas de Água Marinha ou de Cretone

20 anos – Bodas de Porcelana

21 anos de casamento – Bodas de Zircão

22 anos – Bodas de Louça

23 anos – Bodas de Palha

24 anos – Bodas de Opala

25 anos – Bodas de Prata

26 anos – Bodas de Alexandrita

27 anos – Bodas de Crisopázio

28 anos – Bodas de Hematita

29 anos – Bodas de Erva

30 anos – Bodas de Pérola

31 anos de casamento – Bodas de Nácar

32 anos – Bodas de Pinho

33 anos – Bodas de Crizopala

34 anos – Bodas de Oliveira

35 anos – Bodas de Coral

36 anos – Bodas de Cedro

37 anos – Bodas de Aventurina

38 anos – Bodas de Carvalho

39 anos – Bodas de Mármore

40 anos – Bodas de Rubi ou de Esmeralda

41 anos de casamento – Bodas de Seda

42 anos – Bodas de Prata Dourada

43 anos – Bodas de Azeviche

44 anos – Bodas de Carbonato

45 anos – Bodas de Safira ou de Platina

46 anos – Bodas de Alabastro

47 anos – Bodas de Jaspe

48 anos – Bodas de Granito

49 anos – Bodas de Heliotrópio

50 anos – as famosas Bodas de Ouro

51 anos de casamento – Bodas de Bronze

52 anos – Bodas de Argila

53 anos – Bodas de Antimônio

54 anos – Bodas de Níquel

55 anos – Bodas de Ametista

56 anos – Bodas de Malaquita

57 anos – Bodas de Lápis Lázuli

58 anos – Bodas de Vidro

59 anos – Bodas de Cereja

60 anos – Bodas de Diamante ou de Jade

61 anos de casamento – Bodas de Cobre

62 anos – Bodas de Alecrim ou de Telurita

63 anos – Bodas de Sândalo ou de Lilás

64 anos – Bodas de Fabulita

65 anos – Bodas de Pérola Negra

66 anos – Bodas de Ébano

67 anos – Bodas de Neve

68 anos – Bodas de Chumbo

69 anos – Bodas de Mercúrio

70 anos – Bodas de Vinho

71 anos de casamento – Bodas de Zinco

72 anos – Bodas de Aveia

73 anos – Bodas de Manjerona

74 anos – Bodas de Macieira

75 anos – Bodas de Brilhante ou Alabastro

Fonte: Abril